Economia Local AESintra Parceiros

Covid 19 – Empresários de Sintra ajudam famílias em dificuldade

JEL
Partilhar

Os efeitos económicos e sociais da pandemia são profundos e duradouros e afetaram o rendimento de muitos milhares de famílias, agora com acentuadas carências alimentares. Apesar do reconhecimento das dificuldades das empresas locais, a AESintra lançou um apelo à responsabilidade social das que são suas associadas para que estabelecessem redes de auxílio. A AESintra foi confrontada, à medida que a pandemia assumia forma, por dezenas de contactos de instituições do concelho de Sintra em dificuldade para fazerem frente às novas e abruptas carências alimentares da população. As carências surgiram inicialmente acentuadas pela nova realidade de isolamento social, sobretudo da população sénior e, posteriormente, a ritmo acelerado, assistimos ao aumento do agravamento dessas carências devido à perda de emprego ou a outros fatores.

Antes da pandemia parte significativa dessas famílias já recebiam assistência das instituições que distribuíam as ajudas doadas por alguns fornecedores (ex. supermercados, restaurantes, etc), mas a pandemia foi transversal a todos os setores da sociedade, o que em grande parte dos casos fez com que essa ajuda, essencial à sobrevivência, parasse repentinamente. Por outro lado, para agravar uma situação de carência social grave, todos assistimos à diminuição do número de voluntários disponíveis para fazerem a pouca recolha de refeições prontas.

Felizmente, o que muito orgulha a AESintra, foram as várias empresas que ficaram sensíveis ao apelo e contribuíram para diminuir o flagelo social. A AESintra conseguiu, mais uma vez, provar que os empresários do concelho, mesmo em período de grande dificuldade económica, foram solidários e deram provas da
sua generosidade. A AESintra serviu de “ponte” entre os empresários e as instituições que por sua vez identificaram as famílias mais carenciadas.
Também por esta via, porque nunca é demais fazê-lo, a AESintra quer deixar o seu profundo agradecimento a todos os empresários que se juntaram à iniciativa.

JEL28 maio/junho 2020

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *