Parceiros AESintra

“É tempo de devolver a Sintra o que Sintra me deu”

Partilhar

Porquê esta parceria com a AESintra?
É uma parceria lógica. Eu sou um filho da terra. Vivi em Algueirão-Mem Martins até aos 25 anos. O meu pai era um médico muito conhecido aqui. A minha mãe foi uma grande professora em Sintra. Eu comecei a dar os meus primeiros passos profissionais em Sintra, na Rádio Ocidente, no “Jornal de Sintra” e, mais tarde, em “A Pena”. Eu lembro-me de muitos dos comerciantes e empresários de Sintra. Alguns viram-me crescer: agora veem-me na SIC, mas muitos ouviram-me a fazer os relatos do Hockey Clube de Sintra. Há um capital de afeto muito grande. Sintra deu-me muito, deu-me esse reconhecimento, esse respeito. É tempo de devolver a Sintra o que Sintra me deu.

O que é feito de si, desde que saiu de Sintra?
Em rigor, eu nunca saí. Fui viver para Lisboa aos 25 anos, mas depois voltei a viver no concelho em duas ocasiões. A minha mãe continua viva e de saúde e venho cá várias vezes por semana. A minha carreira no jornalismo foi longa, muito gratificante. Fui jornalista da Agência Lusa, editor do “Correio da Manhã”, integrei a chefia de redação do “Diário de Notícias”, fui diretor do jornal “24 Horas” e da revista “Notícias TV”. Tive um programa de entrevistas na Globo e outro na RTP e agora sou comentador da “Passadeira Vermelha”, na SIC. Ao mesmo tempo, dou aulas de jornalismo e comunicação, dou formação em empresas e trabalho a comunicação de várias empresas através da minha consultora, de que sou sócio-gerente, a 4 Live Comunicação.

Porque é que esta parceria pode ser uma mais-valia para os associados da AESintra?
Porque podem dispor de mais um serviço com a chancela de qualidade da AESintra, prestado por uma equipa especializada em Comunicação Multiplataforma, Assessoria de Imprensa e Gestão de Redes Sociais e a preços muito abaixo dos praticados no mercado. Posso dizer-lhe, a título de exemplo, que temos pacotes
exclusivos para os associados da AESintra a partir de 225 euros por mês.

JEL29 julho/agosto 2020

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *